10 fenômenos naturais tão raros que são difíceis de acreditar

Desde sempre, as pessoas contemplam a harmonia do mundo e a beleza dos fenômenos naturais. Arco-íris multicoloridos, nuvens impressionantes, estrelas brilhantes e a luz do luar – tudo isso nos faz observar e admirar a natureza com reverência. E apesar de sabermos de todos esses eventos, ela nunca deixa de nos surpreender com coisas novas: e é exatamente esses que você verá a seguir.

Veja só 10 fenômenos naturais tão raros que são difíceis de acreditar:

1 – A Escadaria da Lua

Na Austrália, várias vezes ao mês durante os meses de março a outubro, o reflexo da lua na água cria uma ilusão impressionante de uma escada que leva ao céu. Turistas geral vão até a pequena cidade de 10 mil habitantes de Broome, onde o efeito é bastante visível. O evento é tão famoso no local que além das pessoas contemplarem o evento, há também uma série de souvenires e lembrancinhas temáticas.

2 – A maré “cappuccino”

É raro ver uma anomalia quando o mar em grandes volumes cria uma grossa espuma marrom, chegando até a lembrar a espuma de capuccino. A última vez que a maré “cappuccino” foi vista na costa do País de Gales, havia tanta espuma que era suficiente até mesmo para esconder a praia e as casas costeiras.

A espuma tem uma tonalidade marrom devido à sujeira, restos de peixe e algas. Uma forte maré a leva até a costa. Embora ela pareça apetitosa, definitivamente não vale a pena tentar provar seu sabor.

3 – Árvores congeladas da Lapônia

Em 2015, o fotógrafo italiano Niccolo Bonfadini foi à Lapónia para a fazer uma sessão de fotos de inverno. Em meio a temperaturas de -40 graus Celsius, ele capturou essas magníficas fotos.

Ele também observou que algumas das árvores ficam próximas como blocos de Stonehenge. Seu trabalho foi reconhecido até mesmo pela NASA, chegando a aparecer no site como “A Imagem da Semana”.

4 – A Nuvem Negra

A migração de estorninhos europeus é um fenômeno surpreendente. Bilhões de pássaros simplesmente obscurecem os céus. No final de março, os pássaros voam para a península escandinava da Europa através da Dinamarca. E voltam apenas no meio do outono.

Em 1998, na Dinamarca, devido à migração de pássaros, era necessário acender as luzes durante o dia devido à grande quantidade de pássaros que cobriam os céus.

5 – Incandescente Oceano de Neon, Oceano Índico

Durante anos, aqueles que navegaram pelo Oceano Índico testemunharam uma visão mágica e única: incandescentes trechos de água. A luz biológica é o produto de fitoplânctons.

6 – O Lago Manchado, Canadá

Esse lago se encontra na parte leste do vale de Similkameen. À medida que a água do lago se evapora, ela deixa para trás esses estranhos buracos. Cada círculo é de cor uma diferente, devido à variedade de minerais encontrados nela.

7 – Campos de Teia, Austrália

Esse fenômeno é tão raro que ocorre apenas quando as aranhas fogem de enchentes ou de qualquer outra catástrofe de tipo similar. O que elas fazem é deixar campos de teia. Elas são então capazes de fazer um grande manto de teia em vastos campos, chegando até a ameaçar o habitat nas proximidades.

8 – Parque Geológico Nacional Zhangye Danxia, China

O que parece mais uma pintura ou uma magnífica arte do que qualquer coisa, é na verdade um lugar real na China. A visão colorida e majestosa é o resultado de anos de sedimentos de depósitos minerais e arenitos vermelhos. A beleza presente também é um efeito colaborativo da chuva e do vento que formaram vales, cachoeiras, torres e ravinas.

9 – Relâmpago do Catatumbo, Venezuela

Esta visão de relâmpagos ocorre na Venezuela. Quando as frentes quentes e frias se encontram onde o rio esvazia no lago Maracaibo, ele forma as condições certas para esse fenômeno. Os pântanos próximos emitem gás metano, melhorando a condutividade elétrica das nuvens, o que também ajuda a causar esses incessantes raios que podem durar até 10 horas.

10 – Salar de Uyuni, Bolívia

Essa beleza ocorre durante estações chuvosas, se transformando em um espelho natural. As pessoas chamam de “espelho do céu”.

Fonte: Storypick | Ofigenno

Publicidade

Deixe um comentário...