20 grandes arquitetos que resolveram seguir as suas próprias regras no design

Certamente quando criança você já deve ter desenhado algumas casas, um telhado triangular, um quadrado acompanhado de uma porta e janelas e está pronta a sua super casa. Entretanto, algumas pessoas usam a imaginação e seus rabiscos vão além de apenas um quadrado e um triângulo.

Para os arquitetos, uma folha em branco se torna uma porta para a criação de várias obras extraordinárias, surpreendendo o mundo inteiro ao ver suas incríveis ideias.

Confira a segui 20 grandes arquitetos que resolveram seguir as suas próprias regras:

1. Biblioteca Louis Nucéra, Nice.

Esta incrível construção faz parte de um projeto cultural que foi dedicado ao escritor Louis Nucéra. Mantendo um significado relacionado, a construção é uma biblioteca, trazendo a metáfora de que o cérebro humano é um caixa de conhecimento.

 

2. Museu de Design Vitra, Weil am Rhein.

A Vitra é uma marca de móveis que possui uma das mais importantes escolas de design do mundo. No início, o projeto só teria uma coleção privada de móveis, mas ela se tornou um museu com atividades para todo o público.

 

3. Casa de dança, Praga.

Esta construção é composta de dois edifícios entrelaçados, como se fossem duas pessoas dançando. A torre de vidro se destaca do resto devido às suas curvas.

 

4. The Broad Museum, Los Angeles.

Este museu de arte contemporânea contem mais de duas mil peças em exposição. Devido a sua complexidade, o projeto foi adiado várias vezes. Entretanto, por possuir um design curioso, lhe fez render alguns prêmios por permitir um melhor uso da luz natural.

 

5. Wangjing Soho, Pequim.

A arquiteta Zaha Hadid  é conhecida pelos desenhos curvos e fluidos de seus edifícios. Estas colinas de concreto estão localizadas entre o aeroporto e o centro da cidade chinesa.

 

6. World Trade Center, Bahrein.

Este edifício possui torres unidas por turbinas que, além da decoração, são geradores de energia. Assim, o centro de negócios funciona graças à energia eólica produzida por si só.

 

7. Clínica de Saúde Mental Lou Ruvo, Las Vegas.

O arquiteto Frank Gehry, que é bastante conhecido pela peculiaridade de seus edifícios, ficou responsável por essa obra. Frank quis construir um lugar atraente e fácil de ser lembrado. O edifício possui 199 janelas, aproveitando o máximo de luz natural possível, sendo o projeto mais difícil do arquiteto. Por fim, esse edifício é um hospital americano que investiga e trata doenças como o Alzheimer.

 

8. Golden Bridge, Da Nang.

No Vietnã você pode visitar esta incrível ponte apoiada por duas mãos gigantes. A partir do momento de sua construção foi posicionada como uma grande atração turística. Não só é um espetáculo observar a construção, mas também é um espetáculo admirar a bela paisagem ao atravessar a ponte.

 

9. Ópera de Guangzhou, Guangzhou

Este edifício é inspirado nas rochas da margem do rio, localizado ao seu lado, e na erosão causada pela água. A arquiteta Zaha Hadid queria conectar o edifício com a natureza ao seu redor.

 

10. Estádio de futebol, Borisov.

A Arena Borisov tem capacidade para 13.000 espectadores. Por fora dá a impressão de ser um objeto completamente fechado, com um revestimento de meta, embora dentro dele tenha amplo espaço ao ar livre. Além disso, a construção levou em conta as vantagens naturais do terreno, que é rico em áreas verdes.

 

11. Grande Elefante, Nantes.

Este robô-construção de carros está localizado na França, trazendo uma obra de arquitetura em movimento. Ele faz parte de uma exposição chamada As Máquinas da Ilha que também inclui aves, insetos e criaturas marinhas. Este elefante pode transportar 50 pessoas e é alimentado por um motor ecológico.

 

12. Casa do Penedo, Fafe.

Há 50 anos, no norte de Portugal, essa casinha foi construída entre duas pedras enormes. No início era uma casa de campo para férias, mas hoje é um museu com relíquias e fotografias da história do lugar.

 

13. Museu de Arte, Graz.

Sua fachada é composta por 930 anéis de lâmpadas fluorescentes ajustáveis que durante a noite são um verdadeiro espetáculo. O projeto foi desenhado com a intenção de ser provocativo e remover a imagem institucional dos museus, demonstrando o quão divertidos eles podem ser por fora. Hoje, este museu de arte contemporânea é um grande símbolo arquitetônico da Áustria.

 

14. Aqua Tower.

Este design é o trabalho de Jeanne Gang e sua equipe de arquitetos. As varandas da torre são o que geram a textura irregular da fachada, e ao lado das janelas que refletem a luz, parece que há água correndo ao longo do edifício. Além disso, é um edifício sustentável porque possui o maior telhado verde da cidade americana.

 

15. Heydar Aliyev Center, Baku.

Este edifício está localizado na capital do Azerbaijão possuindo um auditório, uma galeria e um museu. A arquiteta Zaha Hadid foi responsável por este belo design com curvas e iluminação que lembra um lustre.

 

16. Crooked House, Sopot.

O edifício ondulante é inspirado nos desenhos do ilustrador polonês Jan Szancer. O objetivo desta construção era criar um símbolo de modernidade no mundo e ela foi cumprida. Atualmente é uma grande atração turística na Polônia e funciona como um centro de negócios onde há escritórios, lojas e restaurantes.

 

17. Museu Soumaya, Cidade do México.

O arquiteto Fernando Romero foi o responsável por projetar essa incrível estrutura. 16 mil hexágonos de alumínio compõem sua fachada, que junto com sua composição curvada lhe dão uma sensação futurista. Este museu abriga mais de 70 mil obras de arte de várias partes do mundo e também se tornou um dos edifícios mais emblemáticos do México.

 

18. Casa Batlló, Barcelona.

Este edifício se tornou um dos lugares mais conhecidos da cidade espanhola após a remodelagem do arquiteto Gaudí. Seu design é inspirado na lenda de São Jorge. Por isso, a fachada possui elementos como pilares em forma de osso, telhas na forma de escamas e até mesmo uma escadaria de cauda de dragão.

 

19. Casa de cabeça para baixo, Orlando.

O conceito desse edifício foi pensado da seguinte forma: um laboratório secreto no Triângulo das bermudas que, divido a uma explosão, pousou de cabeça para baixo na Flórida. Nomeado Wonderworks, a obra é um museu educativo e interativo que chama atenção de todos que passam perto.

 

20. Xanadú.

Este é um edifício residencial com 18 apartamentos na Espanha parece estar armado com peças sobrepostas. O design é inspirado no Peñón de Ifach, que é visto ao fundo na fotografia, atrás do edifício. A construção foi feita de acordo com as necessidades de luz e conexão com o restante da estrutura porque não foram elaborados planos para este projeto.

Publicidade

2 Comments

Deixe um comentário...

%d blogueiros gostam disto: