Galo põe ovo, escapa da morte e vira atração no Sul do Brasil

Publicidade

Em Santa Catarina, um agricultor descobriu, para seu espanto, que o galo havia começado a colocar ovos. O agricultor chegou a instalar câmeras no galinheiro por não entender o que estava acontecendo.

Publicidade

Mas seu caso não é o primeiro a ser registrado mundialmente. Na verdade, isso se trata de uma malformação interna do animal.

O galo se chama Chico e já botou cerca de uma dúzia de ovos, virando uma sensação na cidade.

“Em 64 anos de vida, nunca tinha visto isso acontecer. Eu comprei ele em junho de 2020, quando ainda era um pintinho, para criar e fazer o abate para consumo próprio em dezembro. Mas no último dia de vida, ele usou esse talento para escapar da morte”, disse o agricultor em entrevista ao Canal Rural.

 

Chico pode ser hermafrodita?

Segundo Mariana Marques, pesquisadora da Embrapa Aves e Suínos, pode ser que Chico seja um animal hermafrodita.

Sendo assim, esse é um fenômeno que leva ao fato de que, em média, um em cada 10 mil pintos que saem de um ovo é metade macho e metade fêmea.

Na Idade Média, esses indivíduos eram queimados na hora: eram considerados feitiçaria. Mas agora eles estão ajudando os pesquisadores a entender a evolução dos pássaros e possivelmente dos répteis.

Um galo italiano também colocou ovos

Um galo chamado Gianni, que mora em uma fazenda na Toscana, botou ovos. Agora ele põe e incuba ovos.

Atualmente, segundo os cientistas, várias espécies de animais que podem mudar de sexo vivem no planeta.

Assim, essas mudanças radicais, chamadas de hermafroditismo sequencial, podem, em particular, ocorrer em camarões, peixes-palhaço, peixes-papagaio e outros habitantes de recifes de coral.

Em princípio, o fenômeno do hermafroditismo é comum entre galinhas e galos. Indivíduos hermafroditas no processo de vida são propensos a mudanças de sexo, então às vezes você pode encontrar galinhas que de repente começaram a cantar como um galo.

Publicidade

Deixe um comentário...

%d blogueiros gostam disto: