Homem decide desaparecer e fica 25 anos escondido em uma caverna

Publicidade

Ra Paulette é o homem que se isolou por 25 anos e construiu cavernas incríveis. Ele vive na Cidade do México, nos EUA e tem como hobby construir cavernas. Sim, isso mesmo.  

Publicidade

E muito se engana quem pense que são apenas buracos em montanhas. Paulette segue um estilo que se assemelha a templos e o resultado é impressionante.  

O homem se isolou por 25 anos?

Homem construiu cavernas

Dizer que ele estava completamente sozinho é uma mentira, afinal, seu fiel parceiro estava presente a todo momento. Paullete contou com a presença do seu cachorro. 

O isolamento foi social, em outras palavras, sem contato com seres humanos e durante 25 anos esculpiu cavernas a ponto de transformá-las em obras de arte. 

Homem construiu cavernas

Publicidade

O homem relata seu fascínio com o que envolve a relação entre seres humanos (ou a falta dela), a natureza e o seu eu interior. 

Como esse homem construiu as cavernas?

 

Publicidade

Como dito anteriormente, o estilo se assemelha a templos e não se prende a isso. Cada área das cavernas conta com um estilo próprio. 

Essas cavernas ficam em uma planície na região norte do Novo México. Elas foram esculpidas a mão e com o uso de picaretas, pás e raspadores.

Além disso, a estrutura conta com poços verticais para deixar o ambiente bem ventilado e iluminado com luz natural.  

Do mesmo modo, o foco de luz contribui com a decoração do local. Cada detalhe combina com a luminosidade, o cuidado trouxe o resultado surpreendente. 

O documentário

É claro que um fato desses não passaria despercebido. Jeffrey Karoff decidiu trabalhar em um documentário contando mais sobre a jornada de Paullete (seu cachorro) e suas cavernas. 

No documentário o homem comenta que o propósito dessa construção é trazer “renovação espiritual e pessoal” além de se tornar um local para eventos artísticos assim que for finalizado.  

De certo modo, esse homem colocou em prática o que muitos jogadores de Mine Craft fazem no ambiente virtual. Piadas à parte, o trabalho é impressionante. 

E você? Visitaria essas cavernas assim que fossem abertas ao público e quando o nosso isolamento vide situação do mundo finalmente chegue a um fim? 

Confira um pouco desse trabalho no documentário abaixo:

 

Publicidade

Deixe um comentário...

%d blogueiros gostam disto: