O mistério do porquê que esses dois oceanos parecem não se misturarem

Publicidade

O mundo sempre nos surpreende com coisas misteriosas e curiosas, onde na maioria não fazemos ideia de sua existência.

Publicidade

Você já deve ter visto a imagem a seguir, ou ter ouvido falar sobre. Um mar, com a água dividida em dois tons diferentes. Este fenômeno ocorre no Oceano Atlântico e no Oceano Pacífico, onde os dois se encontram, mas não se misturam.

Os hidrólogos que estudaram esse fenômeno acreditam que sua separação se deve à uma composição química. Estes oceanos possuem densidades, salinas e temperatura, impedindo que as águas se misturem.

Publicidade

Quando a uma diferença entre os depósitos de conexão, ela é conhecida como Haloclina. Este fenômeno pode ser visto em outros lugares, como por exemplo, no Mar do Norte e na fronteira com o Mar Báltico. Este espetáculo natural, claro, atrai a atenção de curiosos locais e estrangeiros.

Em algumas cavidades naturais do Yucatán, é comum que a água do mar penetre sistemas subterrâneos de rios, produzindo uma Haloclina que pode aparecer entre 10 e 60 metros de profundidade, dependendo da distância até a costa.

Publicidade

Todos os anos inúmeros turistas visitam às costas da Dinamarca para presenciar essa incrível divisão de águas.

Publicidade

Deixe um comentário...

%d blogueiros gostam disto: