Pai solteiro adota garoto e o transforma em um campeão olímpico

Publicidade

Muitas pessoas tem o sonho de se tornaram pais e criarem uma família. No entanto, seja qual for o motivo, algumas pessoas não conseguem realizar esse sonho pelos métodos considerados tradicionais. Mas isso não significa que eles deverão desistir de seus sonhos. Essa é a história de Jerry Wilde, um homem que sonhava em ser pai e adotou um garoto que se tornou um medalhista olímpico.

Publicidade

Jerry sempre sonhou em se tornar pai e construir uma família, porém nunca conseguiu encontrar alguém que compartilhasse esse sonho com ele, até que o destino mostrou uma solução para ele.

Tudo aconteceu enquanto ele lia uma revista na sala de espera de seu médico. Jerry se deparou com uma matéria sobre adoção de órfãos do Camboja e se emocionou com a histórias dessas crianças.

Foi nesse momento que ele decidiu entrar em contato com a instituição citada na revista. Ele gostaria de saber se um pai solteiro poderia adotar uma criança, e foi assim que sua história como pai começou. Pai solteiro adota garoto que se tornaria campeão olímpico

Jerry estava ciente que jamais poderia ser pai, isso porque todos seus amigos e familiares diziam que ele jamais teria filhos se continuasse solteiro. O americano até mesmo tentou adotar uma criança nos Estados Unidos, porém não teve sucesso.

Felizmente tudo mudou quando ele entrou em contato com a instituição que viu na revista e eles lhe enviaram os papéis para preencher o pedido de adoção junto da foto de algumas crianças que estavam disponíveis.

Dentre todas as crianças que Jerry viu, um pequeno bebê de apenas 18 meses de idade chamou sua atenção. Foi nesse momento que ele soube que esse seria seu filho.

O americano decidiu viajar para Phnom Penh, no Camboja, para conhecer seu futuro filho. O garoto, que foi chamado de Jordan, estava no orfanato desde a morte de seus pais biológicos.

Publicidade

O garoto, que estava desnutrido e visivelmente doente, foi levado para Flórida onde recebeu todo o tratamento médico que era necessário.

Desde então, Jerry faz de tudo para que seu filho tenha as melhores condições de vida, levando-o para a igreja, ao campo, e durante o verão, inscrevendo seu filho em acampamentos e atividades diferentes.

Durante um desses acampamentos, Tim O’Brien, filho do treinador de mergulho Ron O’Brien, viu que o pequeno Jordan tinha potencial para se tornar um excelente atleta.

Pai solteiro adota garoto que se tornaria campeão olímpico

Publicidade

Jerry fez de tudo para incentivar Jordan nessa nova etapa de sua vida, incluindo mudar-se duas vezes de cidade, primeiro indo para Indianápolis e posteriormente para Carolina do Norte.

Ao longo dos anos, Jordan venceu diversas competições de mergulho e fez história sendo o primeiro cambojano qualificado para competir nas Olimpíadas de Tóquio em 2020, representando os Estados Unidos.

Pai solteiro adota garoto que se tornaria campeão olímpico

Jordan tem 6 títulos nacionais juniores, 7 títulos seniores dos EUA e 2 títulos da NCAA. Jordan também se formou na Universidade do Texas como um dos melhores alunos e está sempre ao lado de seu pai!

Publicidade

 

Publicidade

Deixe um comentário...

%d blogueiros gostam disto: