Paquistão planta 10 bilhões de árvores e transforma deserto em floresta

Em alguns milhares de anos a nossa espécie transformou o mundo em um lugar cheio de de poluição, morte e paisagens inóspitas e essas transformações trouxeram severas consequências e fazem com que todas as espécies do planeta sofram e precisem lutar para sobreviver, inclusive nós.

E para tentar resolver esse cenário, bem como reduzir os efeitos das mudanças climáticas, muitos países e organizações se comprometeram a reduzir as suas emissões de carbono, além de tomaram outras medidas para ajudar o meio ambiente e reduzir as temperaturas globais. Uma dessas medidas é o plantio de árvores.

E já temos o resultado de uma dessas iniciativas, com imagens impressionantes. Malik Amin Aslam, conselheiro do Primeiro Ministro e Ministro Federal de Mudanças Climáticas do Paquistão, compartilhou um vídeo em seu perfil no Twitter sobre como era a Reserva Natural de Balloki há um ano e como é agora.

Toda essa transformação faz parte da iniciativa do governo intitulada de “10 Billion Trees Tsunami” (Tsunami de 10 bilhões de árvores), que foi iniciada em 2019. No vídeo é possível conferir uma terra árida, praticamente sem vegetação por quilômetros. Essa foi a visão que Aslam teve durante sua visita em 2019.

Mas atualmente, o local é uma área rica e próspera, dominada por árvores e grama. Confira só o vídeo:

O “10 Billion Trre Tsunami” é um projeto lançado e financiado pelo governo do Paquistão com o objeto de promover o reflorestamento do país. Eles esperam plantar 10 bilhões de árvores em um intervalo de 05 anos e junto, alcançar outra série de objetivos: aumentar a área florestal, reabilitar florestas degradas, proteger áreas verdes e sua vida selvagem, criar empregos e outros.

Até o fim de 2020, segundo o Redd Monitor, já foram plantadas 350.000 hectares de árvores em forma de plantio e regeneração natural e o projeto também criou cerca de 3.500 espaços verdes em florestas estatais.

Publicidade

Deixe um comentário...